Notícias

24/05/2019 - Pecuária

Vietnã quer comprar gado vivo do Brasil, e Indonésia, carnes


Mais um mercado à vista para bovinos vivos brasileiros. O Vietnã tem interesse em importar gado em pé do Brasil já a partir do segundo semestre deste ano, de acordo com a ministra Tereza Cristina, que recentemente liderou uma missão à Ásia, da qual participaram empresários e representantes de entidades do agronegócio nacional.

Em entrevista nessa quinta-feira (23), quando apresentou uma balanço sobre a missão à Ásia, Tereza Cristina informou que se reuniu, no último dia 17, em Hanói, com o primeiro-ministro do Vietnã,  Nguyen Xuân Phúc.

Segundo a ministra, os vietnamitas demonstraram grande interesse na compra de boi vivo. “Eles querem a carne brasileira. É um mercado novo que se abre, um país que tem 100 milhões de pessoas.”

De acordo com a ministra, em contrapartida, o Vietnã quer exportar camarão de pesca no mar e ampliar a venda de peixe panga para o Brasil.

Na capital vietnamita, a delegação brasileira participou das celebrações pelos 30 anos das relações diplomáticas Vietnã-Brasil.

O deputado federal Roberto Pessoa (PSDB-CE), que integrou a comitiva, apresentará um requerimento para que a Câmara dos Deputados realize uma sessão solene para marcar a data.

Indonésia
Tereza Cristina falou ainda as conversas com o ministro da Agricultura da Indonésia, Amran Sulaiman, para discutir a abertura daquele mercado à carne bovina brasilera.

“A Indonésia demonstrou um interesse efetivo de vir aqui comprar carne brasileira porque hoje eles só importam carne da Austrália. Seria uma outra oportunidade de levar carnes do Brasil à Indonésia. Querem também conversar sobre tecnologia, material genético para aves”, disse.

Os indonésios sinalizaram para exportação de frutas especiais para o mercado brasileiro: o mangostim e a fruta da serpente.

Japão
Sobre a passagem pelo Japão, a ministra ressaltou a realização do Quarto Diálogo Brasil-Japão em agosto. O evento ocorrerá no Brasil. Tereza Cristina destacou que o ministro da Agricultura, Floresta e Pesca do Japão, Takamori Yoshikawa, confirmou a participação.

“Eles estão muito interessados em investimentos em infraestrutura. Muitas pessoas querendo saber onde investir, se o Brasil vai realmente começar de novo a receber esses investimentos”, afirmou.

Fonte: AGROemDIA




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.