Notícias

24/07/2019 - Soja

Soja tem queda em Chicago influenciada pelo clima favorável nos EUA


Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam ontem (23/7) com preços mais baixos. A previsão de temperaturas amenas para o cinturão produtor americano, favorecendo a soja, e a manutenção de índice entre boas e excelentes condições para as lavouras dos Estados Unidos mantiveram o mercado sob pressão.

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou ontem dados sobre as condições das lavouras americanas de soja. Segundo o USDA, até 21 de julho, 54% estavam entre boas e excelentes condições, 34% em situação regular e 12% em condições entre ruins e muito ruins. Na semana anterior, os índices eram de 54%, 34% e 12%, respectivamente. O mercado esperava 54% das lavouras entre boas e excelentes condições.

Os contratos da soja em grão com entrega em agosto fecharam com baixa de 2,50 centavos de dólar por libra-peso ou 0,28%, a US$ 8,85 3/4 por bushel. A posição novembro teve cotação de US$ 9,03 3/4 por bushel, com perda de 2,00 centavos de dólar por libra-peso ou 0,22%.

Nos subprodutos, a posição agosto do farelo fechou com baixa de US$ 2,00 ou 0,64% a US$ 306,40 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em agosto fecharam a 28,01 centavos de dólar, alta de 0,28 centavo, ou 1% em relação ao fechamento anterior.

Fonte: Canal Rural




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.