Notícias

23/11/2018 - Soja

Soja: safra do Brasil tem potencial para recorde de 129 mi t, diz Agroconsult


A produção de soja do Brasil na temporada 2018/19 tem potencial para atingir um recorde de 129 milhões de toneladas, após a safra ter tido o seu melhor início da história no atual ciclo, com um clima favorável, previu a Agroconsult ontem (22/11).

Tal potencial produtivo poderia se confirmar se as condições climáticas continuarem boas, e dependendo dos investimentos feitos pelos produtores nas lavouras, afirmou o sócio-diretor da consultoria André Pessôa.

Considerando uma linha de tendência histórica, a produção de soja do Brasil, maior exportador global da oleaginosa, poderia atingir na safra atual os mesmos 120 milhões de toneladas da temporada anterior (2017/18).

Contudo, com a expectativa de aumento de 3 por cento na área plantada na comparação com o ciclo anterior, para 36,2 milhões de hectares, a safra poderia atingir 123 milhões de toneladas, na hipótese de as produtividades médias de 2017/18 se repetirem.

As exportações no ano calendário 2018 foram estimadas em 82,1 milhões de toneladas, um recorde histórico em meio à disputa comercial entre os Estados Unidos e a China, que tem favorecido o Brasil.

No ano passado, os embarques brasileiros somaram 68,5 milhões de toneladas.

Para 2019, quando será escoada a produção deste ano, a expectativa de exportação é menor, de 73,2 milhões de toneladas, uma vez que o Brasil iniciará o ciclo com estoques baixíssimos, comentou Pessôa, durante apresentação feita em evento da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec).

Para o analista, é improvável que os embarques brasileiros no próximo ano superem os de 2018.

“Não vai haver praticamente grãos restantes”, disse ele, referindo-se aos baixos estoques, após exportações volumosas em 2018, com os chineses evitando a soja norte-americana.

Ele observou que alguns operadores estão cautelosos, evitando tomar posições para novas vendas antecipadas de soja, devido às incertezas geradas pela guerra comercial EUA-China.

Se os dois países chegarem a um acordo, a importação chinesa poderia voltar-se para os EUA.

De todo modo, ele disse acreditar que o cenário é favorável para 2019/20, comentando que o plantio no Brasil poderia crescer 3 por cento.

MILHO E ALGODÃO
A Agroconsult também projeta uma grande safra de milho no Brasil na safra 2018/19, com 95,3 milhões de toneladas, contra 80,8 milhões de toneladas na safra anterior, quando o clima não favoreceu as produtividades.

As exportações brasileiras de milho devem subir para 31 milhões de toneladas no próximo ano, contra 22 milhões de toneladas projetadas para 2018, retomando um patamar visto em 2017.

O Brasil tem sido o segundo maior exportador de milho em anos de boas safras.

Apesar da grande safra, o país já produziu maiores volumes do que os esperados para a temporada atual —98,7 milhões de toneladas de milho na safra 2016/17, segundo a Agroconsult.

A produção de algodão do Brasil também tem sido favorecida por clima favorável e bons preços, e a safra caminha para um recorde de 2,47 milhões de toneladas (pluma), ante 2,05 milhões no ciclo anterior.

Por Ana Mano
Fonte: Reuters




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.