Notícias

27/04/2020 - Soja

Soja passa dos R$ 100 em várias praças: hora de vender?


Segundo apurou a pesquisa diária do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da USP), os preços da soja no mercado físico brasileiro fecharam na sexta-feira (24/4) com preços médios da soja nos portos do Brasil sobre rodas para exportação subindo 2,51% nos portos, para R$ 106,16/saca (contra R$ 103,56/saca do dia anterior). Com isto o ganho acumulado nos portos neste mês ficou em 4,89%.

De acordo com a T&F Consultoria Agroeconômica, a nova instabilidade política deve fazer o Dólar subir ainda mais, impulsionando os preços da soja: “A saída de Moro, esse inesperado movimento político, provocou nova alta de 2,54% no Dólar, elevando-o para R$ 5,7491, no seu momento de pico, e forte queda de 5,45% no Ibovespa. Mas, o pior nos parece que ainda está por vir”.

“Rodrigo Maia, que foi humilhado e execrado pela população no início da semana, de repente ganha força e novo vigor, porque tem na mão a possibilidade de agendar qualquer um dos 34 processos de impeachment de Bolsonaro, que agora ganham impulso pelas denúncias de Moro. Bolsonaro, com isto, vai tratar Rodrigo Maia a partir de agora com outros olhos, dando força ao Centrão, que ele lidera e que está interessado somente em cargos e verbas, arrebentando com a economia brasileira junto com o Coronavírus”, analisa a T&F. 

Outro motivo forte de insegurança para a economia, segundo os analistas, é o descontentamento do Ministro Paulo Guedes, que também pode pedir demissão, com a aprovação do programa Pró-Brasil, que destina R$ 100 bilhões que o governo não tem para ajudar os estados e municípios a enfrentar o coronavírus. 

“E o primeiro efeito disto devem ser mais altas do dólar a curto, médio e longo prazos. Não nos espantaríamos se atingisse R$ 6,00, embora ainda não consigamos ver no horizonte nada que corrobore a opinião de algumas corretoras de câmbio que já falam na possibilidade de chegar a R$ 7,00. Evidentemente que isto afeta diretamente os preços da soja, exatamente como já aconteceu hoje, em que atingiram mais de R$100,00/saca em várias cidades do interior do Brasil. Tudo isto era imprevisível há dois dias, então ninguém deve se culpar por ter vendido antes. Mas, será hora de aproveitar para vender o restante, inclusive da safra de 2021, com o dólar mais elevado”, conclui a T&F.

De acordo com a Consultoria ARC Mercosul, o Brasil foi tomado por atritos políticos na administração Bolsonaro. “O Governo tem se mostrado fragilizado em conflitos entre aliados. A visão especulativa sobre o Brasil tem se tornado pessimista, alavancando todo o movimento já presente de evasão de capital. Já a colheita da soja no país avança para os passos finais com 97,4% semeado, empatado com o mesmo ritmo de 2019”, concluem os analistas da ARC Mercosul.

Por Leonardo Gottems
Fonte: Agrolink




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.