Notícias

02/04/2019 - Soja

Soja: fatores externos pressionam queda nos preços


A pesquisa diária do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) indicou uma queda de exatamente 1,0% no preço da soja sobre rodas nos portos do Sul do país ou seu equivalente em outros portos, para R$ 76,93/saca. De acordo com o especialista Luiz Fernando Pacheco, analista da T&F Consultoria Agroeconômica, isso aconteceu porque a oscilação do dólar no Brasil foi mais forte do que a oscilação de Chicago. 

“Pressionada pelas relativamente boas condições das negociações sobre a reforma da Previdência e do exterior, a moeda norte americana caiu 1% esta segunda-feira, enquanto a cotação da soja em Chicago subia 1,25%, mas...não chegou nem a $9,0/bushel, muito longe dos $ 10,50 que, sazonalmente, são ideais para esta época do ano”, indica Pacheco. 

No interior o preço caiu menos, 0,14%, para R$ 72,41/saca e com a queda do dólar as exportações de farelo foram fracas. “E temos o problema do óleo de soja: o aumento da demanda internacional por farelo é positiva de um lado, mas cria um problema de outro – o que fazer com o óleo de soja? A sua demanda não subiu como a do farelo, pesando sobre o preço do grão. Mesmo na Argentina, maior exportador mundial de farelo de soja, as vendas desta segunda-feira foram fracas: entre 150 e 170 mil toneladas”, completa. 

“Assim, mesmo que os últimos dois meses as exportações de soja tenham aumentado (vide abaixo), a Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) estima queda de 20% nas receitas em dólar com exportações do complexo soja em 2019 ante 2018. As receitas deverão alcançar 32,820 bilhões de dólares neste ano, contra 40,914 bilhões de dólares em 2018”, conclui. 

Por Leonardo Gottems
Fonte: Agrolink




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.