Notícias

16/05/2019 - Milho

Relatório do USDA impacta negativamente nos preços do milho


De acordo com a análise semanal da DATAGRO Consultoria, o relatório de oferta & demanda do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgado no dia 10 de maio, trouxe números mistos para os preços da soja e trigo na Bolsa de Chigago (CBOT), mas pendendo para o negativo. Além disso, para o milho, o cenário de preços foi totalmente negativo.       
Segundo a análise da DATAGRO, a pressão nos preços da soja aconteceu pelo aumento acima do esperado nos estoques finais dos EUA e no mundo da safra 2018/19, e acima do esperado na safra 2019/20. As produções EUA e mundial da safra nova ficaram aquém do esperado e amenizaram a pressão. No fechamento os preços caíram US$ 3.25 cents, ou 0,4%. Na semana, queda de 3,9%.

Para o trigo, o USDA trouxe dados também mistos, mas igualmente pendendo para o lado negativo aos preços, tanto nos estoques dos EUA como do mundo, levando a forte recuo na CBOT. No dia do relatório a posição spot caiu e perdeu US$ 2.75 cents/bushel. Terminando a semana em queda forte de 2,1%.

Já para o milho, as informações impactaram de forma negativa os preços. O movimento foi um reflexo do aumento acima do esperado nos estoques dos EUA e no mundo, além dos números também elevados na safra nova. No dia do relatório a posição spot fechou em queda de US$ 2.00 cents/bushel. No entanto, a queda acumulada na semana foi de 5,6%.

Fonte: Datagro/Notícias Agrícolas




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.