Notícias

17/07/2020 - Mercado

Produtor deve esperar por forte queda nos preços


A ampla oferta e o golpe sobre o consumo no caso de uma recessão global ameaçam produzir um “choque” no mercado de commodities, uma vez que os preços de alimentos desabariam, alerta a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) e Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), em relatório publicado ontem (16/7).

“Há grande preocupação de que a pandemia possa, se tiver um agravamento, a temida segunda onda, afetar as transações comerciais do mundo todo. Com os dois principais produtores de alimentos, Estados Unidos e Brasil, no centro deste furacão, a China e outros países estão armazenando”, diz o comentarista Miguel Daoud.

Segundo ele, o temor é que mais à frente, caso a renda mundial despenque por conta da pandemia, haja excesso de alimentos devido à combinação de ampla oferta e estoques.

Daoud afirma que o produtor brasileiro está sabendo aproveitar o bom momento, negociando a safra futura, mas deve ficar atento ao planejamento da próxima safra “e esperar, porque pode acontecer um ajuste muito forte nos preços”.

Veja análise completa: http://tempuri.org/tempuri.html

Fonte: Canal Rural




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.