Notícias

05/10/2018 - Milho

Preço do milho sobe com possível atraso na colheita dos EUA


O milho fechou ontem (4/10), com preços mais altos na Bolsa de Chicago. O mercado buscou suporte nas preocupações com chuvas nos próximos dias no cinturão produtor norte-americano, o que pode acarretar em atrasos na colheita do grão no país, explica a consultoria Safras & Mercado.

A boa demanda para o cereal estadunidense também garantiu valorização aos preços. De acordo com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), as vendas líquidas norte-americanas para a temporada comercial 2018/2019, que começou no dia 1º de setembro, ficaram em 1,43 milhões toneladas na semana encerrada em 27 de setembro. O maior importador foi o México, com 527,4 mil toneladas. Analistas esperavam entre 1,1 milhão e 1,9 milhão de toneladas.

Cotações domésticas
O mercado brasileiro manteve preços estáveis, com a manutenção do perfil de negócios. Segundo o analista de Safras & Mercado Fernando Henrique Iglesias, tanto consumidores quanto produtores optam por uma posição bastante cautelosa às vésperas do primeiro turno das eleições. Os focos de instabilidade seguirão constantes antes do segundo turno de acordo com as pesquisas de intenção de voto, comenta.

Fonte: Canal Rural




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.