Notícias

09/01/2020 - Soja

Estiagem causa perdas de 30% em lavouras de soja do Rio Grande do Sul


As lavouras de soja de Júlio de Castilhos, na região central do Rio Grande do Sul, estão sofrendo com a estiagem severa das últimas semanas. Segundo o engenheiro agrônomo da Cotrijuc, Felipe Mello, as áreas semeadas em outubro, que representam aproximadamente 20% da área total, de 100 mil hectares, já registram perdas de 30% na produtividade. A expectativa inicial era de 60 sacas por hectare.

A colheita da soja na região está prevista para começar entre 5 e 10 de março.

Pior seca desde 2012/2013
A seca que afeta o Rio Grande do Sul é a mais severa desde a safra 2012/2013, segundo a Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do estado. “Historicamente, a cada dez anos, em sete deles nós tivemos algum comprometimento do potencial produtivo das lavouras e das pastagens em função de alguma restrição hídrica. Apesar disso, desde a safra de 2012/2013 para cá, não tivemos uma estiagem que causasse um prejuízo maior na nossa produção”, afirma o secretário em exercício da pasta, Luiz Fernando Rodrigues Júnior, em nota divulgada para imprensa.

A falta de chuvas volumosas, que em algumas regiões chega a 42 dias, aliada ao calor excessivo, já provoca prejuízos nas lavouras de soja, milho, fumo e nas pastagens para pecuária de corte e de leite. Até o fim desta semana, a Emater/RS deve divulgar um levantamento consolidado de perdas e sobre a situação da safra de milho e soja.

Por Daniel Popov
Fonte: Canal Rural




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.