Notícias

28/11/2019 - Soja

Chicago: Soja bate nível mais baixos dos últimos 2 meses


O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou ontem (27/11) baixa de 2,25 pontos no contrato de Janeiro/20, fechando em US$ 8,82 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com desvalorizações entre 2,25 e 2,75 pontos.

Os principais contratos futuros tiveram mais um dia de ligeiras perdas no mercado norte-americano da soja, com volume de contratos indicando possibilidade de mais quedas. “O panorama fundamental é de caráter baixista para a oleaginosa. O mercado permaneceu atento às novidades sobre o possível acordo da primeira fase entre Estados Unidos e China”, afirmam os analistas da T&F Consultoria Agroeconômica.

De acordo com eles, enquanto não sai o acordo, a China concentra suas compras no Brasil: “A histórica depreciação do Real frente ao dólar, que está acontecendo esta semana aumenta a competitividade do produto brasileiro frente ao americano. Além disto, se esperam chuvas sobre a América do Sul que beneficiem o avanço do plantio e dos cultivos, tanto no Brasil quanto na Argentina”.

O volume estimado foi de 165.474 contratos negociados, contra 159.316 do dia útil anterior, volta a indicar tendência de baixa. Já o volume de contratos em aberto (Open Interest), do dia anterior, foi de 807.569 contratos, contra 785.205 contratos no dia útil antecedente. O farelo de soja de dezembro fechou em nova queda de US$ 0,9/tonelada curta a US$ 293,8 (294,7). O óleo de soja, fechou em alta de 15 pontos, com o contrato de dezembro a US$ 30,37 (30, 22).

“O movimento desta quarta-feira estendeu a tendência baixista e se situou nos níveis mínimos dos últimos 2 meses”, concluem os analistas da T&F.

Por Leonardo Gottems
Fonte: Agrolink




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.