Notícias

30/10/2018 - Cana

Cana: Oito usinas plantam áreas experimentais com semente artificial


A cada dia fica mais próxima a realidade deformar canaviais comerciais com a semente artificial de cana Plene Emerald, desenvolvida pela Syngenta e anunciada em 2015. Segundo a empresa, oito usinas já plantam áreas experimentais com a semente artificial.

O Plene Emeraldpermite plantar cana como se planta grãos – colocando no sulco a cada 50 centímetros uma semente, em um total de 200 quilos por hectare, bem diferente das quase 20 toneladas que se plantam hoje utilizando os toletes de cana. De acordo com a Syngenta, o plantio será com máquinas bem mais leves e com alta eficiência, semeando Emerald por vários hectares/dia e gerando um canavial sadio e com alta produtividade.

Um dos principais benefícios dessa tecnologia é simplificar o processo. As sementes artificiais são destinadas a formação de canaviais comerciais, o que aumentará em cerca de 30% a produção das usinas e dos fornecedores. Isso sem falar no aumento de produtividade, já que o Plene Emerald é fabricado na biofábrica da Syngenta em Itápolis, SP, e traz a mesma sanidade e vigor encontrados no Plene PB, a muda pré-brotada. Profissionais da empresa ressaltam que o canavial formado a partir de viveiro com Plene PB, no primeiro corte, chega a apresentar 30 toneladas a mais que o canavial formado com cana comercial, no segundo corte a diferença é superior a 15 tonelada.

A expectativa da multinacional é que,brevemente,mais de 300 hectares sejam plantados com Plene Emerald, inclusive já utilizando o protótipo de plantadora que deve ser disponibilizada ao mercado juntamente com as sementes.

Fonte: CanaOnline




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.