Notícias

20/08/2018 - Clima

Áreas de soja: veja a previsão de chuvas para setembro, outubro e novembro


Com as condições do clima estabelecidas, a editora do tempo do Canal Rural, Pryscilla Paiva, adiantou as previsões para setembro, outubro e novembro, com base nos mapas e estudos disponíveis da Soma Meteorologia. A previsão é de que alguns estados até conseguirão plantar logo após o fim do vazio sanitário, mas para Mato Grosso e Goiás o risco será elevado, devido a falta de chuvas para estabelecer a umidade no solo ideal.Com as condições do clima estabelecidas, a editora do tempo do Canal Rural, Pryscilla Paiva, adiantou as previsões para setembro, outubro e novembro, com base nos mapas e estudos disponíveis da Soma Meteorologia. A previsão é de que alguns estados até conseguirão plantar logo após o fim do vazio sanitário, mas para Mato Grosso e Goiás o risco será elevado, devido a falta de chuvas para estabelecer a umidade no solo ideal.

Setembro

O mês terá chuvas, inclusive acima da média em parte de Mato Grosso do Sul, Paraná e até mesmo no interior de São Paulo. Nestes estados o plantio pode acontecer logo após o fim do vazio sanitário, previsto para o dia 10 de setembro no Paraná, e 15 do mesmo mês para São Paulo e Mato Grosso do Sul, pois mesmo que falte água em outubro, o solo estará bem abastecido de umidade.

Já Mato Grosso e Goiás viverão uma situação mais complicada, pois até devem registrar algum volume de chuvas, mas não o suficiente para reverter o déficit de umidade contida no solo. Ou seja, por lá vale ter atenção a quantidade de água na terra, pois com poucas chuvas em setembro e nenhum em outubro, plantar após o vazio sanitário será um grande risco.

Outubro

Desde o início de julho os modelos numéricos e mapas do tempo tem trazido um alerta aos produtores de soja do Brasil sobre o mês de outubro. Neles o destaque é a falha das instabilidades para boa parte do Centro-Oeste do Brasil.

Em grande parte de Mato Grosso e Goiás os volumes de chuvas previstas serão 30 milimetros menores que a média histórica para o período. Isso porque todas as instabilidades irão se concentrar na parte Sul e Sudeste do país, mais intensamente no interior da região Sul, uma característica clara de influencia do El Niño.

Em Mato Grosso do Sul, as chuvas serão quase 100 milímetros acima do normal para o mês. Parte de São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul também terão volumes maiores.

Novembro

Para algumas áreas de soja a chuva só irá se regularizar em novembro, segundo mapa de anomalias climáticas da Somar Meteorologia. Nele é possível notar onde as chuvas ficarão acima ou abaixo do normal.

A partir da segunda metade de outubro, algumas áreas de Mato Grosso e norte de Goiás podem registrar volumes de chuvas até 50 milímetros menores que a média. Só em novembro esta situação começa a mudar no No Matopiba, inclusive, então os produtores desta região devem ficar atentos e não arriscar no que chamam de “plantio no cedo”, ou seja logo após o fim do vazio sanitário.

Em Mato Grosso e no Paraná as condições serão mais favoráveis em novembro, favorecendo o plantio e o desenvolvimento das plantas.

Fonte: Projeto Soja Brasil - Canal Rural




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.