Notícias

21/07/2020 - Algodão

Área plantada no Brasil pode cair até 10% em 20/21


Após três safras consecutivas em expansão, a área de algodão deve recuar entre 9% e 10% no Brasil na temporada 2020/2021, com as quedas nas margens de rentabilidade em relação à campanha atual, projeta a consultoria Carlos Cogo – Inteligência em Agronegócio.

Nos últimos 30 dias, o indicador do algodão em pluma Cepea/Esalq, com pagamento em oito dias, acumula leve alta de 2,6%, cotado a R$ 2,73 por libra-peso, diante da recuperação das cotações internacionais, por sua vez, decorrentes das recentes altas do preço do petróleo.

O Índice Cotlook A, referente à pluma posta no Extremo Oriente, registra valorização de 2,3% nos últimos 30 dias, mas ainda acumula baixa de 8,7% nos últimos 12 meses.

Na Bolsa de Nova York, o primeiro vencimento da pluma acumula uma alta mais expressiva, de 9,3%, nos últimos 30 dias, reduzindo a queda em 12 meses para 2,9%. As cotações futuras de algodão se recuperaram recentemente com a valorização do petróleo, o aumento das exportações dos Estados Unidos, o clima seco em áreas produtoras norte-americanas e a redução efetuada pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) na projeção de área plantada em relação ao previsto em março.

“Além das incertezas atreladas à sustentação do crescimento da economia global em 2021, o aumento do consumo da pluma também tende a seguir sendo desafiado pelas perspectivas de preços do petróleo oscilando ao redor dos atuais US$ 42 por barril ao longo de 2021, o que conteria as cotações das fibras sintéticas, substitutas ao algodão”, diz a Cogo.

Para a safra 2020/2021, há registro de negócios “even” (sem prêmio ou desconto) ante o contrato dezembro de 2021 FOB no Porto de Santos (SP).

Apesar da reação na Bolsa de Nova York, o movimento de venda futura é limitado e o cenário é de migração de parte da área para a soja, mas essa decisão ainda não está definida.

Fonte: Canal Rural 




Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.