Notícias

24/10/2018 - Outros

Agro tem desafios, mas cenário é otimista

Na abertura do prêmio Melhores do Agronegócio, prinunciamentos destacam resiliência do setor à crise

O agronegócio brasileiro tem desafios a enfrentar, mas conseguiu sobreviver à recessão e apresentar resultados cada vez melhores. Foi o que afirmou o diretor editorial da Editora Globo, Fernando Luna, na abertura da cerimônia de entrega do Prêmio Melhores do Agronegócio, promovido pela revista Globo Rural, nesta terça-feira (23/10), em São Paulo (SP).

"Há desafios. Frete, logística, volatilidade do câmbio. Ainda assim, temos escutado, inclusive aqui neste salão, palavras mais otimistas do que pessimistas", disse Luna, segundo quem  o agronegócio conseguiu o que parecia impossível ao se manter com resultados positivos em anos "complicados".

Em seu pronunciamento, o executivo lembrou que o Brasil deve superar os Estados Unidos na produção de soja na próxima safra. E que, neste ano, pela primeira vez, as exportações do agronegócio brasileiro devem superar a marca de US$ 100 bilhões, conforme estimativas do Ministério da Agricultura.

"É um número realmente impressionante, um recorde e não é fake news", disse Luna, fazendo referência a um dos principais desafios da comunicação nos tempos atuais.

Representante da Serasa, que desenvolveu a metodologia de avaliação das premiadas, o vice-presidente de marketing da empresa, Vander Nagata, reforçou a avaliação positiva do agroenegócio. Segundo ele, há uma discrepância em relação a outros setores da economia, não só pelas condições naturais, mas também pelos trabalho das pessoas que integram o setor.

"Cada país tem uma vocação e o agronegócio é a vocação do Brasil", disse ele, mencionando que os ativos das empresas reconhecidas como as Melhores do Agronegócio somam mais de R$ 730 bilhões e que o patrimônio líquido é de R$ 230 bilhões.

Fonte: Globo Rural





Mantenha-se atualizado com o Agro KLFF

Cadastre-se e recebe diariamente as novidades do mercado

2016 Portal KLFF. Todos os direitos reservados.

Termos de uso. Política de privacidade.